20 de outubro

Um rico fazendeiro casou-se com uma mulher muito pobre.

Deu-lhe casa, carro e emprego para os familiares da esposa.

Todos ficaram felizes e muito bem de vida.
Certo dia, a mulher procurou seus familiares e dizendo:
— Não aguento mais meu marido, vou me separar dele!
O pai imediatamente indagou:
— Mas minha filha! Ele é um bom homem, te ama, te respeita, não anda com outras mulheres, você mesmo disse que ele é um homem perfeito… Por que isto logo agora?
E a filha respondeu:
— É que não aguento mais. Meu marido só quer fazer sexo anal. Não posso me abaixar para pegar nada que lá vem ele e créu.

— Quando me casei, minha “rosquinha” parecia uma moeda de um centavo, agora parece uma moeda de um Real.
O pai concluiu:
— Ora, minha filha, pelo amor de Deus… Não me diga que você vai arrumar essa encrenca toda por causa de noventa e nove centavos, né?

***


Largado por Zoto | Largue primeiro

                                          

19 de outubro

Um general reparou que um dos soldados tinha um comportamento estranho.

O recruta catava qualquer pedaço de papel que via no chão, lia e dizia: ‘Não é isso’ – e o descartava de novo.

O hábito continuou por algum tempo, até que o general conseguiu que o soldado passasse por um teste mental.

O psicólogo concluiu que o recruta estava desequilibrado e escreveu um notificação pedindo que fosse dispensado do Exército.

O soldado pegou a nota, sorriu e disse: ‘É isso’.

 

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

16 de outubro

Tudo começou quando a turma de Direito resolveu colocar uma célebre frase em camiseta e ela virou moda no campus:

“Seu namorado não faz direito? Vem cá que eu faço.“

Em seguida, o pessoal de Medicina largou a seguinte:

“Ele pode até fazer direito, mas ninguém conhece seu corpo melhor que eu.”

O pessoal de Administração não deixou para menos:

“Não adianta conhecer o corpo, fazer direito se não souber administrar o que tem!”

Então a turma de Agronomia apareceu com a seguinte frase:

“Uns conhecem bem, outros fazem direito, e alguns sabem administrar o que tem, mas plantar a mandioca como nós ninguém consegue!”

O pessoal da Publicidade largou esta:

“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar e plantar a mandioca, se depois não puder contar pra todo mundo?”

A turma da Engenharia:

“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, e poder contar pra todo mundo, se não tiver energia e potência para fazer várias vezes?”

A frase campeã era a da Economia:

“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, poder contar pra todo mundo, ter energia e potência para fazer varias vezes, se mulher gosta mesmo é de dinheiro?”

Mas aí veio frase das meninas do curso de Nutrição:

“De que adianta conhecer bem, fazer direito, saber administrar, plantar a mandioca, poder contar pra todo mundo, ter energia e potência para fazer várias vezes e ter dinheiro… Se no final das contas a gente sempre precisa ensinar a comer?!”

Lucia Goes

14 de agosto de 2016

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 4 )

                                          

13 de outubro

No tribunal, dois advogados de uma mesma banca, discutem sobre o desastroso andamento dos processos:

– Você é um mentiroso! Incompetente!

O outro responde-lhe:

– E você é um vigarista! Farsante!

Batendo com o martelo, o juiz tenta por ordem no tribunal:
– Bom, agora que ambos os advogados do réu foram apresentados, vamos prosseguir com o julgamento.

Trata-se de um bondoso senhor, mais honesto que já existiu pelas bandas de pinocolandia, distrito de Atibaia, SP que, em uso capião de um sítio que pertencia ao sócio de seu filho, realizou diversas reformas e melhorias na propriedade, inclusive na cozinha, realizada pela mesma empresa que havia reformado a cozinha de um triplex pelo qual o réu já foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro em outro processo…”

 

**

 

**


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

10 de outubro

Um cara estava andando pelo centro de uma grande cidade quando viu um camelô com uma banquinha vendendo sapos. Eram aqueles sapos grandes ! E havia uma placa que dizia: SAPO CHUPA-PAU. O cara perguntou:

– Que merda é esta?

O vendedor disse:
– É um tipo especial de sapo que eu desenvolvi e que chupa um pau como ninguém. O cara ficou desconfiado, mas como estava meio brigado com a mulher, e os Sapos eram baratos, resolveu comprar um e levar pra casa.
Foi até mais cedo pra casa… Quando chegou o final da tarde a mulher chegou de volta do trabalho e encontrou aquela cena: O cara estava na cama pelado, lendo, com o sapo no ombro de olhos arregalados no livro. A mulher puta da vida perguntou:

– Que merda é essa ? Você na cama pelado, com este sapo horrível no ombro, e ainda por cima lendo um livro de receitas?!!! O cara sem nem mesmo olhar pra mulher, fala:

– Se esse sapo aprender a cozinhar, você tá fudida !!!

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 3 )

                                          

9 de outubro

Faltavam poucos dias para o casamento de Adolfo.
A mãe da moça, uma quarentona escultural, estilo Vera Bitcher, lhe disse, no sofá da sala:
— Adolfo, quero que você saiba que eu sempre te achei um homem atraente e… bem… estou sem graça de falar…
— Pode falar, dona Sônia! Fique à vontade!
— Bom, Adolfo, antes que você casasse, eu gostaria de fazer sexo com você!
Adolfo fica boquiaberto e ele prossegue:
— Eu vou lá pro quarto! Se você quiser ir embora, já sabe onde é a porta… Se quiser me ter é só ir lá pro quarto… Estarei te esperando… gostoso!
Adolfo espera a sogra ir para o quarto, pensa por meio segundo e decide o caminho que vai tomar.
Corre para a porta e encontra, apoiado no seu carro, o seu sogro, marido da dona Sônia, sorridente.
— Parabéns, Adolfo! — disse ele — Queríamos saber se você era um homem fiel, honesto e leal e você passou pelo teste!
Então a sogra saiu da casa e também o cumprimentou.
Moral da história: É bem melhor carregar as camisinhas no carro do que no bolso.

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

8 de outubro

Ao Caro Dr. Antonio Roberto,
Psicólogo e Psicoterapeuta
Espero que possa me ajudar.
Peguei meu carro e saí pra trabalhar, deixando meu marido em casa vendo televisão, como sempre. Rodei pouco mais de 1 km quando o motor morreu e o carro parou. Voltei pra casa, para pedir ajuda ao meu marido. Quando cheguei, nem pude acreditar, ele estava no quarto, com a filha da vizinha!
Eu tenho 32 anos, meu marido 41, e a garota 22. Estamos casados há 10 anos, ele confessou que estavam tendo um caso há 6 meses. Eu o amo muito e estou desesperada. Você pode me ajudar?
Antecipadamente grata.
Patrícia
***
Resposta:
Cara Patrícia,
Quando um carro pára depois de haver percorrido uma pequena distância, isso pode ocorrer devido a uma série de fatores. Comece por verificar se tem gasolina no tanque. Depois veja se o filtro de gasolina não está entupido.
Verifique também se tem algum problema com a injeção eletronica. Se nada disso resolver o problema, pode ser que a própria bomba de gasolina esteja com defeito, não proporcionando quantidade ou pressão suficiente nos bicos injetores. A pessoa ideal para ajuda-lá seria um mecânico. Você jamais deveria voltar em casa para chamar seu marido. Ele não é mecânico. Assuma seu erro ! Não repita mais isso.
Espero ter ajudado.
Dr. Antonio Roberto.
***


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

7 de outubro

Uma jornalista da CNN ouviu falar de um judeu muito velhinho que ia todo dia ao Muro das Lamentações para rezar, duas vezes por dia, e lá ficava por muito tempo.
Decidiu verificar. Foi para o Muro e lá estava ele, andando trôpego, em direção ao local sagrado.
Observou-o rezando por uns 45 minutos, quando ele resolveu sair, vagarosamente, apoiado em sua bengala.
Aproximou-se para a entrevista.
— Desculpe-me, senhor, sou Rebecca Smith, da CNN. Qual o seu nome?
— Morris Feldman – respondeu ele.
— Senhor, há quanto tempo o senhor vem ao Muro orar?
— Bem, há uns 60 anos.
— 60 anos! Isso é incrível! O que o senhor pede?
— Peço que os cristãos, os judeus e os mulçumanos vivam em paz. Peço que todas as guerras e todo o ódio terminem. Peço que as crianças cresçam em segurança e se tornem adultos responsáveis. Peço pelo amor entre os homens.
— E como o senhor se sente, pedindo isso por 60 anos?
— Sinto-me como se estivesse falando com uma parede…

*


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

6 de outubro

Quando Haroldo, um belo e promissor jovem Advogado, descobriu que herdaria uma fortuna quando seu pai morresse devido a uma doença terminal, decidiu que era uma boa hora para encontrar uma mulher que fosse a sua companheira para a vida fácil que se avizinhava.

Assim, numa determinada noite, ele foi até o bar da Ordem dos Advogados, onde conheceu uma Advogada, a mais bonita que já tinha visto em toda a sua vida.

Sua extraordinária beleza, o porte elegante, o corpo curvilíneo, a inteligência, a maneira de falar… Deixaram-no sem respiração.

Eu posso parecer um advogado comum – disse-lhe, enquanto iniciava o diálogo para a conquista da musa – mas, dentro de dois ou três meses, o meu pai vai morrer, e eu herdarei 20 milhões de euros.

Impressionada, a bela Advogada foi para casa com ele naquela noite.

Três dias depois, tornou-se sua madrasta.

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

5 de outubro
Sexta feira, dia 05/10:
Querido diário, hoje eu e meu namorado estávamos no parquinho.
 
Começamos a nos beijar e nos acariciar e de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, saí correndo e percebi que minhas pernas são minhas melhores amigas.

Sábado, dia 06/10:
Querido diário, hoje eu e meu namorado fomos ao cinema. Começamos a nos beijar e nos acariciar e de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, saí correndo e percebi que minhas pernas são REALMENTE minhas melhores amigas.
Domingo, dia 07/10:
Querido diário, hoje meu namorado me convidou pra ir no apartamento dele. Ele colocou uma música, bebemos umas taças de vinho, dançamos e começamos a nos beijar e nos acariciar e de repente, ele me fez uma proposta indecente.
Então, descobri que até as melhores amigas UM DIA SE SEPARAM…
**

Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

4 de outubro

Era uma vez um homem que tinha uma paixão terrível por feijões cozidos. Ele os adorava, mas eles provocavam uma situação embaraçosa no homem.

Um dia, ele conheceu uma garota e se apaixonou. Quando estava aparente que eles iam se casar, ele pensou: Ela nunca vai se casar comigo se eu continuar deste jeito, então ele fez o supremo sacrifício e largou os feijões. Pouco depois eles se casaram.
Alguns meses depois, no caminho de volta para casa, o carro dele quebrou e, como ele vivia fora, ele telefonou para sua esposa e disse a ela que chegaria atrasado, porque teria que voltar a pé. No caminho de volta para casa, ele passou por um pequeno restaurante e o aroma maravilhoso de feijões cozidos o atraiu.
Como ele tinha que andar alguns quilômetros até sua casa, pensou em qualquer efeito negativo teria passado antes de chegar, Então ele entrou e pediu três porções grandes de feijão. Durante todo o caminho para casa ele peidou, quando chegou já se sentia seguramente melhor.

Sua esposa o encontrou na porta e parecia excitada, ela disse: Querido, eu tenho a maior surpresa para você no jantar hoje. Ela colocou uma venda nele e o acompanhou até a cadeira na cabeceira da mesa de jantar, fazendo-o sentar e prometer não olhar. Neste ponto ele sentiu que havia um novo peido a caminho.
Quando sua esposa estava prestes a remover a venda, o telefone tocou. Ela o fez prometer de novo que não ia olhar até ela voltar e saiu para atender o telefone.

Enquanto ela estava fora, ele aproveitou a oportunidade, jogou seu peso para apenas uma perna e soltou. Não foi apenas alto, mas parecia um ovo fritando. Tendo em vista a dificuldade de respirar, ele procurou um guardanapo e começou a abanar o ar em volta de si. Ele estava começando a se sentir melhor quando outro começou a surgir, ele levantou a perna e RRRRRRRRRRIIIIIIIIIIPPPPPPPPPP!!
Soou como um motor a diesel pegando e cheirou ainda pior.
Esperando que o cheiro se dissipasse, ele começou a sacudir os braços.
As coisas começavam a voltar ao normal, quando veio a vontade outra vez, ele jogou o peso para a outra perna e soltou. Este foi merecedor de uma medalha de ouro, as janelas vibravam, a louça na mesa sacudiu e um minuto depois a rosa sobre a mesa morreu.
Enquanto ficava com um ouvido atento a conversa da mulher no telefone e mais 10 minutos, peidando e abanando com os braços o guardanapo.

Quando ele ouviu ela se despedir no telefone (indicando o fim da sua solidão e liberdade), e colocou suavemente o guardanapo no colo e cruzou as mãos sobre ele.
Sorrindo vitoriosamente, ele tinha a cara de inocência quando sua esposa entrou, pedindo desculpas por ter demorado tanto, ela perguntou se ele tinha olhado a mesa de jantar, após ter certeza que ele não roubara, ela removeu a venda e gritou:
– SURPRESA !!!
Para seu choque e horror, estavam doze convidados na mesa, sentados ao seu redor, para sua festa de aniversário surpresa.

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

3 de outubro

Um senhor foi a um laboratório moderno fazer exames de rotina.
Pediram que fizesse xixi num orifício de uma máquina. Após alguns
segundos, a máquina imprimiu o seguinte relatório:

Nome : João da Silva
Idade : 36
Profissão : Engenheiro
Estado Civil : Casado
Tipo Sanguíneo : A+
Diagnóstico : Artrite no braço direito.

Ele ficou impressionado e não acreditou, pediu para fazer novo exame.
Eis que a máquina expeliu mais um relatório.

Informações complementares sobre o Sr. João da Silva:
Idade detalhada : 36 anos, 3 meses e 20 dias
Cor dos olhos : Castanhos escuros
Perda de cabelo : 35%
Diagnóstico : Artrite no braço direito.

Ele continuava a não acreditar. Foi em casa, fez xixi num vasilha
e pediu que a mulher a filha também fizessem, colocou ali também
um pouco de seu esperma, tirou óleo do carro, juntou tudo e levou
ao dito laboratório. Colocaram a tal mistura na máquina e prontamente
saiu outro relatório:

Informações complementares sobre o Sr. João da Silva:
Corno
Filha grávida de 3 meses
Carro precisa trocar o óleo
ATENÇÃO : QUANDO FOR SE MASTURBAR, USE A MÃO ESQUERDA, PORQUE A DIREITA TEM ARTRITE !!

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

2 de outubro

– Ei posso te fazer uma proposta? – a mulher responde:
– Pode.
– Vou jogar cem reais no chão,no tempo de você se abaixar e pegar os cem reais eu posso fazer o que eu quiser com você.
A mulher pensou e falou:
– Tá ok, mas antes posso falar com uma amiga?
Ele diz ok.
– Alô ana, posso te fazer uma pergunta? A amiga:
– Sim
– Um cara me parou e me fez uma proposta?
– Qual?
– Ele vai jogar cem reais no chão e o tempo de eu pegar o dinheiro ele pode fazer o que quiser comigo. O que você acha?
– Deixa de ser boba! Aceita logo, mas depois me liga pra contar como foi!
Meia hora depois ela liga pra amiga:
– Alô Ana, como foi? Já ganhou os cem Reais?
– Que nada, o desgraçado jogou cem Reais no chão, mas foi de moeda de cinco centavos, ainda tô catando e ele já dando a segunda!

*


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 3 )

                                          

1 de outubro

Estava fazendo compras no EXTRA SUPERMERCADOS, uma velhinha me seguia pelas gôndolas, sempre sorrindo.

Eu parava para pegar algum produto, ela parava e sorria: uma graça a velhinha!

Já na fila do caixa, ela estava na minha frente com seu carrinho abarrotado, sorrindo:
– Espero não tê-lo incomodado, mas você se parece muito com meu falecido filho…

Com um nó na garganta, respondi não haver problema, tudo estava bem.
– Posso lhe pedir algo incomum? disse-me a senhora idosa.

– Sim. Se eu puder lhe ajudar…

– Você pode se despedir de mim dizendo ” Adeus, mamãe, nos vemos depois” ?

Assim dizia meu filho querido… ficarei muito feliz!

– Claro senhora, não há nenhum problema, disse eu para alegria da velhinha.

A velhinha passou a caixa registradora, se voltou sorrindo e, agitando sua mão, disse:
– ADEUS filho…

Cheio de amor e ternura, lhe respondi efusivamente:
– ADEUS mamãe, nos vemos depois?

– Sim… nos vemos depois querido!

Contente e satisfeito com o pouco de alegria dado à velhinha, passei minhas compras.
– R$ 717,00, diz a moça do caixa.

– Tá louca? Dois sabonetes e duas pilhas?

– Mas as compras da sua mãe….. ela disse que você pagaria!!!!!

– VELHA FILHA DA PUTA!!

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

30 de setembro

A pobre freira parada no fim da tarde na beirada da estrada pedindo carona.

Pára um caminhoneiro muito mal encarado e resolve ajudar a freira.

Ela entra no caminhão e o silêncio é mortal… sem aguentar mais aquele clima a freira tenta quebrar o gelo:
“Como é o nome do senhor?”
“Meu nomé é aquilo que vc pega toda noite” – responde rispidamente o caminhoneiro.

E o silencio permanece…

Chegando na porta do Convento a freira desce do caminhão e agradece:

“Obrigada, Sr. Pinto”

“Senhora… meu nome é Rosário…”

**


Largado por Zoto | 1 largado comentou