16 de setembro

Um freguês chega num bar chega e pede para o balconista uma pinga. O balconista serve uma dose de pinga acima da média, o cara toma tudo de uma vez. O balconista o adverte:
– Aqui neste bar todos que tomam uma pinga jogam um pouco no chão e oferecem para o santo.
O freguês, muito mal educado, vira para o balconista e lhe dá uma banana dizendo:
– Pro santo eu dou uma banana!!

E faz o gesto com o braço. Neste momento seu braço endurece de tal forma que não mexe de jeito algum. Desesperado, diz ao balconista:

– Minha nossa, o que aconteceu?

O balconista responde:

– O Sr. ofendeu o santo e ele o castigou, mas como é a primeira vez que o Sr. vem ao bar vou resolver seu problema.

Chama todos os fregueses e pede para todos rezarem e fazerem uma corrente de orações. Enquanto todos rezam o braço do sujeito vai voltando ao normal.

Um velhinho vê tudo e fica espantado com a cena. Vai ao balconista e pede uma pinga, toma tudo de uma vez. O balconista pergunta:

– E pro santo??

O velhinho abaixa as calças, tira o pinto pra fora e diz:

– Ó pro santo!

O pinto dele endurece na hora. Ele tira um 38 do cinto e diz:

– Se alguém rezar aqui eu mato!


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

11 de setembro

Três sacerdotes saíram de férias e, como estavam determinados a sair mesmo da rotina, combinaram de não usar roupas que os identificassem como clérigos.

Assim que o avião pousou numa conhecida cidade praiana, eles foram a uma loja e compraram bermudas, sandálias e grandes óculos escuros.

Na manhã seguinte, foram à praia vestidos com seus trajes turísticos.

Estavam sentados em suas cadeiras de praia, bebendo uma caipirinha e curtindo o sol e a paisagem, quando uma loira deslumbrante num micro biquíni passou por eles, que não puderam deixar de olhá-la da cabeça aos pés.

Ao passar na frente deles, a loira sorriu e disse:

-Bom dia, padre, bom dia, padre, cumprimentando e dirigindo-se a cada um deles.

Eles ficaram espantados.

Como raios ela poderia saber que eles eram padres?

Então, no dia seguinte, eles voltaram à loja e compraram roupas ainda mais “turísticas”.

Mais uma vez, com suas novas roupas, eles foram à praia e acomodaram-se nas espreguiçadeiras para aproveitar o sol.

Depois de um momento, a mesma loira atraente, vestindo outro mini-biquíni diferente e colorido, passou novamente por eles, cumprimentando a todos com um “bom dia, padres!”, e começou a afastar-se.

Um dos clérigos não pôde evitar e disse:

-Um momento, senhorita…

A loira virou-se, dizendo: -Sim, padre?

-Somos sacerdotes, mas não estamos usando nossas batinas, por isso não entendo como é possível que você saiba que somos clérigos vestidos como estamos…

Ela respondeu:

-Ora, padre, você não me reconhece? Sou eu … Irmã Catarina, a secretária do convento!

Se você leu até aqui, deixe seu comentário, criando um final mais engraçado.


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 3 )

                                          

5 de setembro

Um casal entra num requintado restaurante e como estava uma noite fria
pediram dois pratos de sopa,

quando o garçom veio servir estava com o dedo mesgulhado no prato de sopa.

Cliente, indignado reclamou dizendo que não queria mais aquela sopa. Pediu que trouxesse outra.

Passado algum tempo volta o garçom com outro prato de sopa, mas novamente com o dedo mergulhado dentro de uma delas,então o homem inconformado chama o maitre e relata o ocorrido,o
garçon é chamado para dar explicações,então ele disse que estava com
um problema no dedo e o médico recomendara que ele mantivesse o dedo
sempre em um lugar quentinho,e era o que ele estava fazendo,o homem
ficou pocesso e falou:Por quê voce não coloca ele no cú lá é bem
quentinho.
E o garçon: -mas estava lá,eu só tirei para vir servir as sopas.

**


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

3 de setembro

Uma família estava jantando em um restaurante bem caro, e sobrou muita
comida. O pai, com pena de desperdiçar tudo aquilo, mas com vergonha
de pedir para o garçom para embrulhar, pagou a conta e disse:
– Por favor, embrulhe a comida que restou. Vamos levar para o cachorro.
Ouvindo isso, as crianças gritaram:
– Oba! Papai vai comprar um cachorro!

***

um cara foi ao psicologo e diz:
minha mulher eh maluca
porque?- diz o psicologo
ai cara disse: porque ela vive falando com o abajur
ai o psicologo disse como você sabe disse?
o abajur que me contou

***

Dois canibais estão conversando.
E um fala.- pra dizer a verdade, eu não sei mais o que fazer com
minha mulher!
E o outro:
– Se você quiser, eu lhe empresto o meu livro de receitas!

***

O brasileiro fala pro português:
– Puxa… ontem eu comi dois ovos e me atacou o fígado!
– Pois tiveste sorte que não comeste fígado!

***

Um kara estava em CUBA sem dinheiro e estava morrendo de fome, ai ele
encontrou um restaurante e pensou:
– pow to com muita fome preciso comer!
Entrou e comeu tudo que tinha…quando acabou ele pensou:
-E agora? oque eu faço?
Ele olhou pra porta e viu que os oficiais do exercito comiam e não pagavam,
apenas passavam por ele e diziam:
-agente de FIDEL!
-hum..tive uma ideia
Passou e disse igualmente:
-agente de FIDEL
O sujeito olhou pra ele e perguntou
-mas kade a barba?!
Ele arreou as calças e disse:
AGENTE SECRETO!


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 4 )

                                          

1 de setembro

Na sala de aula, a professa pergunta:
– Qual a coisa mais pesada que existe?
– O elefante – responde a Aninha.
– A baleia – diz o Pedrinho.
– Um caminhão – diz o Paulino.
– É o pinto do meu pai!
– O que é isso, Joãozinho? Quem foi que te disse essa asneira?
– Minha mãe, professora! À noite, eu sempre ouço ela dizer pro meu pai: “Esse negócio nem Deus levanta!”

**


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

29 de agosto

Um empresário liga para casa para dar uma notícia a sua mulher.

Quem atende é a empregada.

– Chame minha mulher que eu quero falar com ela.
– No momento ela não pode atender.
– Mas como assim ela não pode atender.
– É que ela está ocupada.
– Fazendo o que.
– Tá eu vou falar. Ela tem um amante e está com ele agora.
– Eu ouvi bem, ela está me traindo.
– É sim.
– Então mate os dois.
– Não isso eu não posso fazer.
– Então vou te despedir.
Como a empregada ganhava muito bem a única renda que ela tinha era daquele trabalho.
– Sim eu aceito.
Ela foi e matou os dois.
– E agora o que eu faço.
– Enterre eles.
A empregada seguiu novamente as instruções e enterrou eles.
– Já que você fez o que pedi pode dar uma relaxada na sauna.
– Mas aqui não tem sauna.
– Ah! Desculpe foi engano.

**


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

27 de agosto

Dois caçadores caminham na floresta quando um deles, subitamente, cai no chão com os olhos revirados.

Não parece estar respirando.

O outro caçador pega o celular, liga para o serviço de emergência e diz: ‘Meu amigo morreu! O que eu faço?’

Com voz pausada, o atendente explica: ‘Mantenha a calma. A primeira coisa a fazer é ter certeza de que ele está morto’.

Vem um silêncio. Logo depois se ouve um tiro. A voz do caçador volta à linha. Ele diz: “Ok.

E agora?”.

***


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

26 de agosto

Uma empresa entendeu que estava na hora de mudar o estilo de gestão e contratou um novo gerente geral. Este veio determinado a agitar as bases e tornar a empresa mais produtiva. No primeiro dia, acompanhado dos principais assessores, fez uma inspeção a toda empresa.

Em um dos setores todos estavam trabalhando, mas um rapaz novo estava encostado na parede com as mãos no bolso.

Vendo uma boa oportunidade de demonstrar a sua nova filosofia de trabalho, o novo gerente perguntou ao rapaz:

“Quanto é que você ganha por mês?”

“Trezentos reais, por quê?” Respondeu o rapaz sem saber do que se tratava.

O novo gerente tirou os R$ 300,00 do bolso e os deu ao rapaz, dizendo:

“Aqui está o seu salário deste mês. Agora desapareça e não volte aqui nunca mais!”

O rapaz guardou o dinheiro e saiu conforme as ordens recebidas.

O novo gerente então, enchendo o peito, pergunta ao grupo de operários:

“Algum de vocês sabe o que este tipo fazia aqui?”

“Sim Senhor”, responderam atônitos os operários.

“Veio entregar uma pizza e estava aguardando o troco”.

**


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

25 de agosto

Um advogado estava viajando de carro pela BR quando de repente um tatu tentou atravessar na frente do seu carro. O motorista parou, desceu do carro, pegou o tatu, colocou-o na mala do carro e, por fim, seguiu viagem. Bem mais adiante na estrada, uma blitz da Polícia Federal o parou. Pediram ao advogado que mostrasse os documentos, descesse do carro e abrisse o porta malas. 

Ao avistar o tatu no porta malas, o policial logo declarou:

– Rapaz, você é louco? Esse animal é selvagem. Isso vai te dar cadeira. Se eu chamar a polícia ambiental, voce está frito!

Rapidamente o advogado respondeu:

– Esse tatu é meu. Ele é de estimação. Está comigo desde que eu era um garoto. Se você soltar ele no chão e eu der dois assobios, ele volta na hora. Ele é muito bem treinado.

O policial logo respondeu:

– Duvido!

– Então solta ele pra você ver – disse o advogado.

O policial pegou o tatu, soltou-o no chão e o bicho imediatamente saiu correndo para o mato e sumiu.
Então o policial falou para o advogado:

– Agora chama o tatu de volta.

O advogado disse:

– Que tatu?


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

16 de agosto

Uma mulher viaja por duas semanas para visitar um parente no interior. Quando volta para casa, é recebida pelo seu filho, que vai logo dizendo:

— Mamãe, mamãe, adivinha o que aconteceu?

— Não sei, meu filho! Conte-me!

— Ontem, enquanto eu estava brincando dentro do seu armário, o papai entrou no quarto com a vizinha!

E a mulher, muito surpresa:

— Como assim, meu filho? Conta isso direito!

— Pois é mamãe, aí ele entrou no quarto com a vizinha e depois eles tiraram a roupa e deitaram na cama. Aí o papai pulou em cima dela e…

Antes que ele terminasse, ela tampou a boca do filho com a mão e disse:

— Não diga mais nada agora, meu filho! Vamos esperar seu pai voltar do trabalho e você repete tudo isso na frente dele, está bem?

— Está bem, mamãe!

No início da noite, o pai volta do trabalho e vê a mulher fazendo as malas.

— Ué, voltou e já vai viajar de novo?

E ela, furiosa:

— Nada disso. Estou indo embora!

— Mas por quê!??

Ela chama o filho para a conversa e diz:

— Fala, meu filho, conte agora ao seu pai tudo aquilo que me contou hoje à tarde.

E o garotinho…

— Ontem, enquanto eu estava brincando dentro do seu armário, o papai entrou no quarto com a vizinha. Aí eles tiraram a roupa, deitaram na cama, o papai pulou em cima dela e eles fizeram igualzinho a você e o tio Ricardo, quando o papai viajou no mês passado!


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )

                                          

14 de agosto

Uma velhinha foi levada ao tribunal por homicídio. Ela é interrogada pelo juiz.
Juiz: Qual sua idade?
Velhinha: Tenho 86 anos.
Juiz: A senhora pode nos dizer com suas próprias palavras o que lhe aconteceu no dia 1º de abril do ano passado?
Velhinha: Claro, Meritíssimo. Eu estava sentada na varanda na frente de casa, num dia ensolarado, quando um jovem sorrateiramente senta-se ao meu lado.
Juiz: Você o conhecia?
Velhinha: Não, mas ele foi muito amigável…
Juiz: O que aconteceu depois?
Velhinha: Depois de uma conversa muito agradável, ele começou a acariciar a minha coxa.
Juiz: A senhora o deteve?

Velhinha: Não.
Juiz: Por que não?
Velhinha: Foi bom, Meritíssimo. Ninguém nunca mais havia feito isto comigo desde que meu Ariovaldo faleceu, há 30 anos.
Juiz: O que aconteceu depois?
Velhinha: Acredito que pelo fato de não tê-lo detido, ele começou a acariciar meus seios.
Juiz: A senhora o deteve então?
Velhinha: Mas claro que não, Meritíssimo…
Juiz: Por que não?
Velhinha: Porque ele me fez sentir viva. Não me sentia assim há anos!
Juiz: O que aconteceu depois?
Velhinha: Ora, Sr. Juiz, o que faria uma mulher na minha idade, já de noitinha, diante de um jovem ávido por amor? Foi então que eu falei: Pode me possuir, rapaz!
Juiz: E ele a possuiu?
Velhinha: Não. Ele gritou: PRIMEIRO DE ABRIL! Foi aí que eu dei um tiro bem no meio da cara dele!


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

13 de agosto

(Esta é uma história tida como real, registrada na Polícia de Sarasota, Flórida, EUA)

Uma senhora idosa, na Flórida, fez as suas compras e, ao retornar ao seu carro, encontrou quatro homens saindo com o seu veículo. Largando as compras, ela sacou sua arma, gritando a plenos pulmões: “Eu tenho uma arma, e sei usá-la! Saiam já do meu carro!” Os quatro homens não esperaram por uma segunda ordem e saíram correndo como doidos.

A senhora, bastante agitada, começou a colocar as compras no banco de trás e, feito isto, sentou-se ao volante. Estava tão nervosa que não conseguia colocar a chave na ignição. Tentou várias vezes sem sucesso, até que ela entendeu por quê não conseguia. Era pelo mesmo motivo que havia uma bola de futebol, um taco de beisebol e uma embalagem com 12 latas de cerveja no assento da frente.

Minutos mais tarde, ela encontrou o seu carro estacionado uns 5 espaços adiante. Ela colocou suas compras no carro e dirigiu-se até a Delegacia de Polícia para registrar o seu engano. O sargento a quem ela relatou sua história não conseguia parar de rir. Ele apontou para a outra ponta do balcão, onde quatro homens pálidos estavam registrando um roubo de carro feito por uma anciã maluca, com menos de 1,55, cabelos brancos e encaracolados, usando óculos e portando um enorme revólver. A queixa foi retirada.


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

5 de agosto

Havia dois ladrões sempre bem-sucedidos em suas artimanhas. Eles tinham um jeito sorrateiro de encontrar entradas desprotegidas em casas ricas e roubar seu ouro.

Ambos eram, no entanto, católicos devotos e conheciam os 10 mandamentos. Então, depois de falar sobre o assunto, eles decidiram ir à igreja com o seu saque para confessar seus pecados.

Eles também decidem oferecer uma parte do ouro que roubaram à igreja para redimir seus erros. O único problema é que eles não conseguiam decidir quanto deixariam.

O primeiro pensa por um minuto, depois desenha um círculo no chão.

Ele levanta o rosto e diz: “Oh Senhor, eu vou jogar tudo o que eu peguei pra cima, tudo o que cair dentro do círculo é teu e o pouco que restar do lado de fora eu guardarei pra mim.”

Dizendo isso, ele jogou tudo pro ar. Ao cair, quase todo o ouro ficou de fora do círculo, exceto por poucas moedas. Ele louva ao Senhor por sua generosidade e coleta sua parte sorrindo.

O segundo recua e pensa muito.

Ele solta um suspiro profundo e diz:

“Oh senhor! Perdoe-me por meus pecados. Eu não vou fazer o Senhor pegar sua parte do chão como meu amigo fez. Eu vou jogar tudo o que eu peguei para o céu. Por favor, mantenha o que quiser e jogue de volta nesta terra o que achas que eu mereço.”


Largado por Zoto | 1 largado comentou

                                          

7 de junho

Jesus e Emanuel foram colher nêsperas no pomar do padre, atrás da igreja e para isso Emanuel empresta o chinelo para que Jesus suba na árvore.


Chega o padre, que estranhando a presença do velho bêbado conhecido o indaga:


— O que está fazendo aí olhando para cima, Emanuel?!


Emanuel responde:
— Estou esperando Jesus descer!


e o padre :
— Mas filho, não é assim que as coisas são, Jesus subiu, mas não voltará!


e Emanuel finalizou:
— NÃO? E O DESGRAMADO LEVOU MEU CHINELO!!!


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 3 )

                                          

5 de junho

A Isabel casou-se e foi morar no andar de cima, mas mesmo assim continuava a comer com os pais.

Certo dia a mãe chama a Isabel e ela:

– Já vou mãe, não demoro.

Diz o Chico (o irmão mais novo):

– Não demora não!… Eu sei o que é que eles estão fazendo.

A mãe:

– Deixa de ser parvo e cala-te! Isabel, anda p’ra mesa!

– Já vou mãe!

– Ehehe eu sei o que eles estão a fazer! O puto leva um tabefe e cala-se.

Passado quase meia hora:

– Isabel, filha, despacha-te que a comida fica fria!

Diz a filha quase a chorar:

– Oh mãe já vou… O Chico então desata-se a rir:

– Eu sei o que eles estão a fazer… A Isabel pediu-me o tubo da vaselina e eu dei-lhe o da cola!!!!


Largado por Zoto | Largados Comentaram ( 2 )